quinta-feira, 1 de outubro de 2015

OLHE PARA JESUS

OLHE PARA JESUS

Hebreus 12.1-2

 

Este texto nos apresenta:

 

1.    O "ponto" onde devemos focar o nosso olhar.

 

Ø  Jesus é o "ponto", ou o "alvo".

Ø  Meu olhar não deve estar focado em mim mesmo.

Ø  Meu olhar não deve estar focado nas outras pessoas.

Ø  Não devo desviar meu olhar de Jesus para as críticas que me fazem.

Ø  Nem mesmo devo desviar meu olhar de Jesus para os elogios que me fazem. Grandes homens de Deus têm caído porque, como dizem as Escrituras, "a soberba precede a ruína".

Ø  Pedro desviou seu olhar de Jesus e afundou.

Ø  Depois Pedro manteve seu olhar focado em Jesus e pode, juntamente com os demais apóstolos, com ousadia, responder às autoridades e ao Sumo Sacerdote que os admoestaram a não ensinar mais em nome de Jesus: "Mais importa obedecer a Deus do que aos homens".

 

2.    O estímulo advindo do testemunho de pessoas que tiveram seu olhar focado... (capítulo 11)

 

Ø  Histórias de fé nos estimulam. Temos muitas nas Sagradas Escrituras e fora dela, na história do Povo de Deus...

Ø  "Quando eu morrer, o que dirão? Deixarei um testemunho que perdurará?"

 

3.    Obstáculos a vencer.

 

Ø  Embaraço – Peso, algo que nos atrasa na caminhada cristã, mas que não é pecaminoso em si mesmo.

o   Vou dar um exemplo bem clássico: uma pessoa que escolhi para namorar – se eu sou jovem cristão, ou, ainda que não jovem, mas solteiro/viúvo/sozinho, tenho que pensar bem nessa questão. Se percebo que a pessoa vai mais me atrapalhar que ajudar, tenho que renunciar enquanto é tempo. Já ouvi muitas vezes a fala: "fulano(a) ia bem, até que arranjou um(a) namorado(a)".

o   Embaraço, peso, "agente atrasador", pode ser também um veículo novo que você comprou e que agora lhe leva para "outras bandas"... Pode ser um título em um local de lazer pra onde você vai agora todos os finais de semana (sumiu da igreja)... pode ser uma propriedade, pode ser dinheiro, pode ser o amor ao conforto... enfim, é qualquer coisa que atrapalhe – Talvez você não possa se livrar de algumas dessas coisas, mas pode não deixar que elas lhe sirvam de embaraço. Vença o embaraço!

Ø  O pecado que tão de perto nos rodeia, ou "tenazmente nos assedia"...

o   Talvez aqui se refira ao pecado em geral, mas sempre há "aquele pecado" que nos perturba mais, que nos "atrai mais". Para mim pode ser um e para você igual ou outro diferente...

o   Qual é o pecado que "tão de perto lhe rodeia"?

 

Pr. Walmir Vigo Gonçalves

prwalmir@hotmail.com